Como fazer empréstimos pelo sebrae

Como fazer empréstimos pelo sebrae

Publicado em 18/11/2019 às 05:23


Você sabe a finalidade do Sebrae? Entenda as oportunidades que a organização oferece as microempreendedores, inclusive o empréstimo no Sebrae. As microempresas, principalmente nesta época de recessão econômica, têm sido uma das principais aliadas para o desenvolvimento do país. Apesar disto, elas também são as mais vulneráveis a crise e por isto precisam de todo o apoio para conseguirem se manter funcionando.

 

O que é a organização e como fazer um empréstimo no Sebrae

 

Um empréstimo pode ser um bom investimento para muitas das pequenas empresas existentes. Hoje, saber onde encontrar um parceiro, investidor ou sócio é ideal para que esta empreitada seja um sucesso. O Sebrae pode ser este aliado na hora de obter financiamento e crédito para seu negócio. Então, descubra como fazer o empréstimo no Sebrae e como a organização pode ajudar a sua empresa a crescer. Isto pode ajudar o seu negócio a sobreviver à crise.

 

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, é uma organização voltada para ajudar tanto o microempreendedor individual, MEI quanto às microempresas brasileiras. A entidade oferece consultoria, cursos e ajuda no planejamento destas empresas. Sendo assim, o Sebrae é uma entidade privada sem fins lucrativos criada em 1972. O objetivo da entidade é promover a competitividade e o desenvolvimento das micro e pequenas empresas e fomentar o empreendedorismo.

 

O Sebrae também atua no processo de formalização da economia por meio de parcerias com os setores público e privado, programas de capacitação, feiras e rodadas de negócios. Atualmente, a entidade está presente em diversos estados do país.

Sebrae faz parcerias para obtenção de crédito e empréstimo empresarial

Primeiramente, você deve saber que o Sebrae não possui programas de financiamentos próprios. A entidade atua mais como uma mediadora. Através da entidade você pode buscar um financiamento em instituições financeiras como o Banco do Brasil, Caixa, Bradesco, cooperativas de crédito que oferecem este serviço.

Uma dica para ajudar sua microempresa é buscar o Sebrae e entrar em contato com os financiamentos e empréstimos oferecidos pelo BNDES. O Canal do Desenvolvedor MPME, do BNDES, é uma solução para quem procura investimento. Este é um fundo de financiamento destinado principalmente a Micro, pequenas e médias empresas.

Para solicitar, basta se dirigir ao site do canal, responder a poucas perguntas sobre você e sua empresa, dizer para quais tipos de investimento você precisa de recursos e, é claro, escolher os agentes com quem pretende fazer negócio. Se dirija ao Sebrae e veja qual a melhor opção para você.

Fampe pode ser a solução para realizar o financiamento para seu negócio

Conseguir um bom financiador ou avalista para sua empresa pode ser difícil. E muitas vezes uma tarefa ingrata. Este é um dos maiores empecilhos na hora de solicitar um financiamento, já que muitas financeiras e empresas solicitam este avalista.

O Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas (Fampe),pode ajudar a microempresa a garantir este fiador. Este programa do Sebrae ajuda tanto micro e pequenas empresas como o microempreendedor individual e encontrar o melhor financiamento.

Para solicitar o apoio do programa é necessário atender aos requisitos adotados pelas instituições financeiras conveniadas, com destaque para a apresentação de capacidade de pagamento, possuir partes dos recursos a serem investidos, conhecer o mercado de atuação do negócio, não apresentar restrição cadastral e possuir parte das garantias necessárias para a contratação do crédito.

Cuidados necessários na hora de fazer empréstimo no Sebrae

A facilidade na obtenção do crédito pode fazer com que você esqueça que esta é mais uma dívida que você está fazendo. É necessário que o empresário tome muito cuidado na hora de solicitar este crédito. Principalmente quando se trata de pequenas empresas que já tem dificuldades de se manterem na ativa.

Para fazer o empréstimo no Sebrae é bom que você verifique bem quais são as condições para que não se endivide mais ainda. Primeiro, preste atenção nas taxas de juros. Faça bem o cálculo e verifique o prazo de pagamento das prestações.

Procure ajuda de um profissional. Um contador pode ajudar você a fugir de ciladas na hora de assinar o contrato do empréstimo, ainda mais quando sua empresa é iniciante. Conheça seu fluxo de giro e capital. É necessário que o empresário saiba exatamente o valor da prestação que pode pagar e o quanto de renda poderá investir neste pagamento de dívidas.

Buscar o melhor investimento para seu negócio é uma das maneiras mais acertadas de investir no futuro. Verifique como o Sebrae pode ajudar sua microempresa a obter o melhor empréstimo e dê um up no seu negócio.


Precisando de Empréstimo?

Quero encontrar meu empréstimo ideal!

Em destaque em Empréstimos