Controle suas horas extras

Controle suas horas extras

Publicado em 25/05/2019 às 15:20


Você sabe como as horas extras na CLT funcionam? Saiba aqui, e controle as suas!


Mesmo após terem ocorrido tantas alterações na CLT com a reforma trabalhista, é fato que as horas extras continuam. E isso é motivo de alegria para muita gente que às vezes precisa ficar um pouco mais no trabalho e acaba conseguindo uma graninha extra com isso. Por isso, é importante saber como as horas extras na CLT funcionam, pois, é importante controlar direitinho todos os seus ganhos.

Então, veja aqui todos os detalhes sobre as regras da hora extra na CLT, e tire todas as suas dúvidas.

Como são estabelecidas as horas de trabalho

A sigla CLT significa Consolidação das Leis do Trabalho, e corresponde ao nome do documento pessoal de cada trabalhador, no qual constam todas as informações referentes aos seus registros de trabalho, como por exemplo: os dados pessoais do trabalhador, os registros das empresas em que o mesmo trabalhou, os salários recebidos, os cargos desempenhados, os registros de férias, as contribuições sindicais, etc.

O horário comum de trabalho para a grande maioria das atividades dos mais diversos setores, é de 8 horas por dia, de acordo com as regras estabelecidas na CLT. Porém, há outras escalas de horários que mudam conforme o tipo e local de trabalho, como por exemplo, para profissionais que atuam em hospitais onde a carga horária de trabalho pode ser de 12 horas de trabalho por 36 horas de descanso.

O TST (Tribunal Superior do Trabalho) é quem regulamenta a carga horária diária para cada setor e função desempenhada, e é esse mesmo órgão que estabelece as regras para as horas excedentes de trabalho, denominadas horas extras.

O que são horas extras

Horas extras são todas as horas que você precisou trabalhar além da carga horária normal do dia, ou seja, se você trabalha 8 horas por dia entrando às 7 horas da manhã e saindo às 4 horas da tarde, e porventura em certo dia precisou ficar no trabalho até às 18 horas; isso significa que você realizou duas horas extras neste dia, após o período regular de trabalho.

Além disso, você poderia ter entrado às 6 horas da manhã e saído às 4 horas da tarde, sendo que teria feito uma hora extra antes do período regular.

Lembrando, que há alguns regimes de trabalho em que estão inclusas horas trabalhadas aos finais de semana ou mesmo a noite, sendo que essas horas já fazem parte da jornada de trabalho acordada e já são pagas regularmente, de modo que essas horas não são consideradas horas extras.

Dessa forma, entendemos que horas extras são somente as horas trabalhadas além das horas regulares (horas já acordadas, contratadas e pagas como horas normais de trabalho).

Entenda como as horas extras na CLT funcionam

As horas extras podem ser pagas em dinheiro, sendo que se forem efetuados até às 19 horas são

pagas como horas comuns mais 50% do valor de cada hora, ou seja, você receberá o valor de uma hora e meia de trabalho, por hora extra, feita.

Se as horas forem efetuadas após às 19 horas, ainda recebem o acréscimo de adicional noturno. Isso vale para horas feitas de segunda a sábado, pois, se forem realizadas aos domingos é pago o dobro do valor por hora trabalhada, ou seja, há um acréscimo de 100% sobre cada hora trabalhada.

No entanto, há outra forma de a empresa compensar o trabalhador pelas horas extras efetuadas, que é o banco de horas. O banco de horas possibilita que o trabalhador folgue as horas trabalhadas, de modo que a empresa economiza dinheiro com essa forma de compensação de horas extras, e o trabalhador pode descansar.

Em resumo, se o trabalhador fez duas horas extras, poderá escolher um dia para sair duas horas mais cedo ou entrar duas horas mais tarde; sendo que normalmente, as regras de compensação são definidas de acordo com o RH de cada empresa, por isso podem variar.

Controle as suas horas extras

Agora que você já sabe como as horas extras na CLT funcionam, fique atento e controle as suas horas corretamente. Receber pelas horas extras realizadas é um direito seu, e que precisa ser respeitado.

Porém, lembre-se da importância das horas de descanso, pois, apesar de as horas extras gerarem um dinheiro extra e isso ser bom, é preciso não se acostumar em sempre fazê-las, porque isso pode afetar diretamente a sua qualidade de vida. Além disso, é importante frisar que o trabalhador não é obrigado a realizar horas extras.


Precisando de Conta Corrente?

Quero encontrar minha conta ideal!

Em destaque em Contas Correntes