Franquia Seguro Carro

Franquia Seguro Carro

Publicado em 18/11/2019 às 11:12


Franquia do Seguro de Carro: Entenda como funciona


Ao contratar um seguro, um valor é definido para a franquia. Esse será pago nos casos em que você precisar acionar para consertar o seu veículo. Mas, você sabe como funciona a franquia e quais são os tipos que existem? Continue com a gente e entenda mais sobre franquia.

Estar assegurado é uma necessidade emergente quando se possui um automóvel. Afinal, imprevistos acontecem, e o ideal é que você não seja pego desprevenido. Por exemplo, em caso de acidentes, pode ser necessário utilizar o seguro para realizar o pagamento do conserto.

Mas, nesses casos, existe um valor que deve ser pago à seguradora, chamado de franquia.

O que é a franquia dos seguros?

Trata-se do valor que você é obrigado a pagar para a corretora, quando for acionar o seguro para consertar o seu veículo. Assim, esse valor é definido como mínimo para que você possa utilizar a apólice.

Ou seja, se você contratou um seguro com franquia no valor de R$1250, amassou a porta do seu carro e viu que o conserto da porta fica no valor de R$600, o seguro não poderá ser acionado e você terá que arcar com esse valor. Mas, caso sofra um acidente em que o conserto fique em R$1600, você poderá acionar o seguro e pagará R$1250 de franquia para isso (sendo que o restante do valor será por conta da seguradora).

Assim, há algumas modalidades de franquias que podem ser escolhidas no momento da contratação do seguro. É importante estar atento para não escolher uma apólice que não se encaixe em seu perfil.

Quais tipos de franquias de seguro existem?

Para o caso de seguros de automóveis, existem três tipos, que são:

Franquia reduzida

Essa opção possui um valor de franquia menor em relação às demais opções. Porém, em compensação, o valor do seguro será mais caro. É a escolha ideal para aqueles que utilizam o veículo muitas vezes e acreditam que precisarão do seguro frequentemente.

Franquia normal

É o tipo normal de franquia contratada na maioria das apólices. Nesta, o valor da franquia é maior em relação ao da reduzida, mas o valor do seguro é bem menor. Recomendada para os que só pretendem acionar o seguro em caso de danos maiores, como em batidas com outros veículos.

Franquia majorada

Por ser praticamente o dobro do valor da franquia normal, essa opção faz com que o valor do seguro seja muito mais barato do que nas demais opções. Porém, ele só poderá ser acionado em casos de grandes danos, como em um acidente grave, por exemplo. Indicada para aqueles que utilizam o carro poucas vezes.

Saiba em que ocasiões você não precisa  pagar a franquia

Geralmente, os seguros garantem um valor máximo que será utilizado para consertar os veículos de terceiros que se envolvam em acidentes com você, além de cobertura para perdas totais e roubos.

Esteja atento, pois nesses casos a franquia não pode ser cobrada. Ou seja, quando for acionar o seguro para solicitar o conserto do veículo de alguém com quem você veio a ter um acidente, e o valor não exceder o acordado com a corretora, ou se você tiver o seu carro roubado ou o mesmo não ter conserto após um acidente, todos os gastos serão por conta do seguro, sem adicionais para você.


Precisando de Seguro?

Quero encontrar meu seguro ideal!